Sonha em voltar a estudar? Confira 5 passos para iniciar o supletivo

dicas supletivo

Já sabemos que investir nos estudos é fundamental para construir uma carreira sustentável e ter a chance de conquistar um bom emprego. Entretanto, também sabemos que, infelizmente, algumas pessoas precisam interromper o ensino básico por diversos motivos. A última pesquisa feita pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) em 2017 identificou que apenas 46,1% dos jovens conseguem concluir o ensino médio.

Se você está dentro deste percentual, não desanime: temos uma boa notícia. Você pode obter seu diploma de forma rápida por meio do supletivo, que é uma formação específica do EJA (Educação para Jovens e Adultos). Para o ensino fundamental, ele é direcionado aos jovens acima de 15 anos e, para ensino médio, acima dos 18.

Neste post, vamos mostrar quais são as opções e como fazer supletivo de forma segura e reconhecida pelo MEC (Ministério da Educação). Prepare-se que chegou sua hora de recomeçar!

1. Procure uma instituição credenciada

Antes de tudo, você sabe o que é supletivo? Ele é uma modalidade de ensino destinada àquelas pessoas que não concluíram o ensino básico, ou seja, o ensino fundamental e médio, na idade regular. Portanto, ele tem uma idade mínima, mas não tem idade máxima. Além disso, pode ser oferecido tanto por instituições públicas quanto privadas.

O primeiro passo para fazer um supletivo é conhecer as modalidades de estudo e qual instituição escolher. Inclusive, é muito importante pesquisar se a instituição é credenciada pelo MEC para ofertar esse tipo de ensino, já que existem muitos golpes por aí. Então, confira agora quais são as opções de supletivo autorizadas.

EJA

A EJA é um termo utilizado pelo governo federal para englobar as modalidades de ensino básico para adultos, mais conhecido como supletivo. Ela é ofertada por escolas públicas estaduais, tanto na modalidade presencial quanto a distância. Além disso, é composta por etapas, nas quais o aluno realiza as provas à medida que conclui os níveis estabelecidos pelo programa.

Ceeja

Diferentemente da EJA, o Ceeja (Centros Estaduais de Educação de Jovens e Adultos) funciona em escolas destinadas a esse fim e na modalidade semipresencial. Na prática, você pode estudar em casa, mas também tem liberdade de tirar dúvidas com os professores. Neste sentido, o Ceeja oferece duas opções para obter o diploma de ensino fundamental ou médio:

  • fazer as provas separadas por módulos de cada matéria;
  • realizar o provão, que é dividido por áreas de conhecimento, além da redação.

Proeja

O Proeja nada mais é do que a junção do EJA a um curso técnico. Parecido com o ensino médio integrado, mas a diferença é que o aluno faz o supletivo junto a uma formação profissional. É mais comum você encontrar essa modalidade nos institutos federais de educação tecnológica do governo federal.

Encceja

Lembra quando falamos das exigências do MEC sobre como fazer supletivo? O Encceja (Exame Nacional para Certificação de Competência de Jovens e Adultos) é uma prova que pode ser feita por todas as pessoas que se encaixam naqueles pré-requisitos. Na prática, a prova é parecida com o Enem, baseada nos conteúdos exigidos ao nível fundamental e médio.

Cursos supletivos

Também existem outros meios para você voltar a estudar por meio de cursos supletivos ofertados por instituições particulares. São opções tanto presenciais quanto a distância e servem para reduzir o tempo de estudos do ensino básico regular. Por exemplo, em vez de três anos para fazer o ensino médio, você pode completá-lo em um ano e acelerar sua formação profissional.

2. Junte os documentos necessários

Depois de escolher sua instituição, o próximo passo para começar o supletivo é reunir os documentos necessários para fazer a matrícula ou inscrever-se nos provões do governo. No caso dos cursos supletivos, públicos ou privados, alguns documentos podem variar de instituição para instituição, mas, basicamente, os principais são:

  • RG e CPF;
  • certidão de nascimento ou casamento;
  • comprovante de endereço;
  • título de eleitor e comprovante da última votação;
  • certificado de reservista para o sexo masculino;
  • histórico escolar, para as matrículas do ensino médio.

Já no caso dos provões, como o Encceja, é necessário acessar o site no período estabelecido e ter em mãos:

  • e-mail válido;
  • documento de identidade, como RG ou CNH;
  • CPF.

Vale lembrar que, após a aprovação para o ensino médio por meio do Encceja, será preciso apresentar o histórico do ensino fundamental nas instituições indicadas pelo INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), que podem variar para cada região.

3. Escolha como prefere estudar

Agora que você já sabe como começar seu supletivo, chegou o momento de definir como prefere estudar, se presencial, a distância ou por meio do provão. Se você prefere horários fixos e pré-estabelecidos e sente que precisa do contato direto com o professor em sala de aula, talvez o presencial se encaixe mais com você.

Já o EAD é para aqueles que buscam uma rotina flexível ou têm dificuldades de se deslocar com frequência para um local específico. Além disso, no supletivo a distância, o aluno precisa ter bastante disciplina e organização. Agora, se você consegue estudar sozinho ou teve contato recente com os estudos, o provão pode ser ainda mais interessante. A escolha é sua!

4. Crie um plano de estudos

Independentemente da sua escolha, ter um plano de estudos é fundamental para organizar sua rotina e evitar a procrastinação. Afinal, quanto mais tempo longe da rotina de estudos, mais difícil é exercitar novamente os músculos do cérebro. Com um plano, fica mais fácil adquirir novos hábitos e desenvolver as competências profissionais que serão necessárias.

Pensando nisso, preparamos algumas dicas de estudo para supletivo que podem ajudar você. Confira!

  • separe um momento do dia para estudar;
  • anote qual seu objetivo de estudo;
  • pesquise além dos materiais didáticos;
  • troque ideias com outros alunos;
  • reserve um tempo para descanso e lazer.

5. Prepare-se para as provas

Depois de descobrir como fazer supletivo e ingressar nessa nova rotina de estudos, chegará o tão aguardado momento da realização das provas. Nesse dia, é importante manter a calma para ter bastante atenção nas questões e não deixar suas emoções interferirem na interpretação das informações.

Por exemplo, antes da prova, procure relaxar e prefira sempre fazer uma refeição leve para não se desconcentrar. Lembre-se de sair mais cedo de casa para evitar qualquer tipo de atraso. Além disso, quando estiver fazendo a prova, evite perder tempo demais em cada questão, deixando as mais difíceis para o final. Grife trechos importantes e revise a prova antes de entregá-la.

Viu só como é possível fazer um supletivo para construir sua carreira de sucesso? Afinal, ele é essencial para você continuar os estudos e ingressar no tão sonhado ensino superior. Esperamos que, com nossos passos sobre como fazer supletivo, você consiga terminar o ensino básico e realizar seus sonhos profissionais. Estamos na torcida aqui na Unopar!

Se você curtiu esse assunto, saiba que temos outro post no blog que tira todas as dúvidas sobre o ensino a distância. Então, descubra também como o EAD funciona e por que ele está conquistando o mercado.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.5 / 5. Número de votos: 23

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content