Como ser veterinário? Descubra aqui

médico veterinário e gato

Na internet, circula uma imagem com os seguintes dizeres: “Todas as crianças quiseram, um dia, ser veterinárias — a diferença é que algumas são mais teimosas do que outras”. Apesar de ser uma brincadeira, esse meme tem um fundo de verdade. De fato, muitos de nós desejamos, em algum momento, seguir essa carreira.

Se esse é o seu caso, por que desistir de seu sonho logo agora? A carreira de quem decide fazer o curso de Medicina Veterinária oferece uma grande oportunidade de crescimento pessoal e profissional, com inúmeras áreas de atuação e especializações, indo muito além da Clínica de Pequenos Animais, campo dedicado ao cuidado com os pets domésticos e bem estar animal.

Quer saber como ser veterinário? Então, continue conosco e saiba qual é o perfil desse profissional, além de detalhes sobre o curso! Boa leitura!

Por que fazer Medicina Veterinária?

Você se lembra do momento em que decidiu que queria ser um veterinário? Se foi ainda na infância, talvez nem soubesse quão apaixonante e importante para a sociedade essa profissão é.

Muitas pessoas acreditam que o veterinário lida apenas com cães e gatos, mas a verdade é que essa carreira é fundamental para a sociedade como um todo, já que esse profissional também atua na inspeção de alimentos e garante a prevenção de doenças transmitidas pelos animais, chamadas de zoonoses.

Por isso, fazer Medicina Veterinária é muito mais do que amar os animais — ainda que isso seja fundamental e um ponto comum entre todos os estudantes. É cuidar, também, dos seres humanos, em uma profissão com um dia a dia difícil, mas altamente recompensador e com um mercado de trabalho amplo e que oferece oportunidades que combinam com os mais diversos tipos de personalidades.

Qual é o perfil desse profissional?

O perfil de um futuro graduando de Medicina Veterinária é o de uma pessoa plural. O médico-veterinário não pode ser muito frágil, já que enfrentará momentos difíceis na rotina de trabalho. No entanto, isso não significa que deve se manter frio e distante das situações que se apresentam. Ou seja, é preciso desenvolver a inteligência emocional.

O veterinário também não pode duvidar de suas próprias habilidades; mas deve, sempre, se questionar e pensar se não há algo que não está sendo observado.

À primeira vista, o conceito de pluralidade pode ser confuso de entender. Contudo, é uma característica que pode ser desenvolvida naturalmente ao longo da graduação e dos estágios obrigatórios.

A ideia é buscar um equilíbrio de habilidades e competências que auxiliarão no trato não só dos animais — que não podem explicar seus sintomas —, mas, também, de seus tutores, que estão ansiosos e demandam atenção e empatia.

Algumas das habilidades essenciais para esse profissional são:

  • capacidade de observação;
  • raciocínio lógico;
  • empatia;
  • trabalho em equipe;
  • paciência;
  • resiliência;
  • persistência;
  • confiança;
  • amor aos animais.

Quem deseja ser veterinário também precisa ter em mente que o estudo, nessa profissão, nunca cessará. Afinal, a cada dia surgem novidades no cuidado com os animais e a atualização constante é algo que não pode ficar de lado para que um profissional se destaque. Portanto, é preciso saber estudar de forma eficiente.

Em que um veterinário pode atuar?

Um pouco acima em nosso post, falamos sobre as diversas áreas de atuação de um veterinário. Agora, vamos discutir mais profundamente sobre elas. A primeira, é claro, é o cuidado com os animais, sejam eles de estimação ou não. Aqui, há a divisão da clínica e do campo cirúrgico.

Há, ainda, a possibilidade de atuação na área de inspeção e agropecuária. Nessa área, o veterinário lidará com os cuidados dos animais criados para a produção, inspecionando a qualidade da carne e do leite — além de outros produtos — e garantindo a segurança da população em geral. A produção e a reprodução animal também são possíveis áreas de interesse.

Por fim, o veterinário também pode atuar na linha de frente dos cuidados com a saúde pública, protegendo a população de doenças transmitidas pelos animais, sejam eles domésticos ou não. Há, assim, vários órgãos para atuação, como o Ibama, o Centro de Zoonoses, a Vigilância Sanitária e outros.

Quais são as possíveis especializações e áreas de trabalho?

Bom, já falamos sobre as possíveis atuações do veterinário, certo? Afinal, e na prática? Quais são as possibilidades de carreira e as especializações para esses profissionais? Veja um pouco sobre o mundo do trabalho de um médico-veterinário:

  • patologia veterinária;
  • clínica de pequenos animais (com especializações em felinos, cardiologia, nefrologia, ortopedia etc.);
  • clínica de animais de grande porte;
  • clínica de animais silvestres;
  • inspeção;
  • reprodução e produção;
  • pesquisa;
  • educação.

O veterinário pode atuar tanto no setor privado quanto no público, em lugares como os órgãos nacionais (Ibama, Embrapa e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, por exemplo), zoológicos, clínicas e hospitais veterinários, indústrias, empresas variadas, entre outros. Há, também, a opção de realizar trabalho voluntário em ONGs de proteção de animais.

Como é o curso de Medicina Veterinária?

Aqui na Unopar, o curso de Medicina Veterinária é ministrado na forma de Bacharelado, presencial e com duração de 5 anos. Ao longo dessa graduação, o estudante entrará em contato direto com disciplinas como:

  • Anatomia;
  • Fisiologia;
  • Microbiologia;
  • Ética;
  • Comportamento Animal;
  • Nutrição Animal.

Há, também, a necessidade da realização de estágios para conectar o aluno com o dia a dia de seu trabalho. Assim, o aluno aprenderá não apenas as informações importantes sobre o cuidado com os animais e a comunicação com seus tutores, mas também o ritmo e os desafios enfrentados no cotidiano profissional.

Já que falamos sobre conexão, que tal mencionarmos alguns diferenciais do curso na Unopar? Além de contarmos com laboratórios, excelente corpo docente e toda infraestrutura necessária para a formação de veterinários qualificados, também temos uma parceria excepcional: o Canal Conecta, que interliga o estudante às melhores vagas de estágio e emprego disponíveis na região.

Agora que você já sabe como ser veterinário, não perca mais tempo, agende o quanto antes a sua prova de vestibular online ou conheça todas as formas de ingresso e seja um aluno Unopar! Assim, você estará muito mais perto de seu sonho e mostrará que, ao contrário do que muitos dizem, a teimosia pode ser uma virtude!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.5 / 5. Número de votos: 8

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content