5 motivos para fazer trabalho voluntário e ganhar experiência

estudantes fazendo trabalho voluntário para ganharem experiência

A ideia de ajudar o próximo e fazer um trabalho voluntário existe há muito tempo, mas, recentemente, parece que as oportunidades se multiplicaram. A globalização pode ter sido um fator que contribuiu para tal aumento, já que até intercâmbios com esse propósito são oferecidos nos dias de hoje.

Essa é uma grande chance de viver uma experiência de desenvolvimento pessoal e profissional. Contudo, é claro que a identificação com a causa também é um aspecto importante, pois a entrega de cada um precisa ser verdadeira e não somente focada nas vantagens que esse tipo de atividade pode gerar, não é mesmo?

De qualquer forma, listamos a seguir 5 motivos pelos quais você deveria considerar participar de um voluntariado:

  • acumular experiência em uma área;
  • desenvolver o seu lado pessoal;
  • conhecer pessoas e expandir seu networking;
  • promover sua saúde e bem-estar;
  • ampliar a sua visão de mundo.

Confira mais detalhes a seguir!

1. Acumular experiência em uma área

Não ter muitas experiências acumuladas na sua área de atuação é um dos dilemas enfrentados pelos jovens universitários. Logo, uma boa solução para isso é procurar um trabalho voluntário que tenha atividades similares, o que deve ajudar a desenvolver habilidades interessantes e aprimorar a sua capacidade prática.

Por exemplo, estudantes que desejam seguir a carreira acadêmica podem dar aulas em comunidades carentes, creches ou organizações não governamentais. Da mesma forma, dentistas recém-formados podem participar como auxiliares em projetos sociais. Já aqueles que têm como objetivo aprender uma língua estrangeira podem procurar trabalhos voluntários no exterior.

As mudanças no mundo do trabalho exigem pessoas cada vez mais preparadas e experientes, mas nem todo conhecimento é adquirido dentro de uma sala de aula. Tenha certeza de que não será tão difícil conciliar as duas coisas. Faça uma boa pesquisa sobre as oportunidades de voluntariado disponíveis e encontre aquela que mais combina com o seu perfil. Depois, não deixe de adicioná-la ao seu currículo.

2. Desenvolver o seu lado pessoal

Além da parte profissional, o voluntariado promove o desenvolvimento pessoal. Cada vivência é única e deve gerar efeitos diferentes nas pessoas, mas é possível dizer que sair da sua zona de conforto para viver a realidade do outro (mesmo que por um tempo limitado) é um processo transformador.

Por isso, é importante achar uma causa com a qual você se identifique e que tenha interesse em ajudar. No entanto, vale dizer que todos os projetos e ações sociais têm o seu valor, sendo uma fonte de aprendizado e de evolução para os colaboradores.

Além das habilidades específicas, como aprender uma nova língua ou melhorar a sua capacidade de comunicação, existem ainda os ganhos pessoais. Dificilmente alguém sai de um trabalho voluntário da mesma forma que entrou. Essa é uma excelente chance de perceber as necessidades que determinados grupos passam e valorizar a própria vida.

Na correria da rotina, nem sempre temos tempo ou paramos para pensar nos pequenos privilégios que desfrutamos a cada dia. Então, a atitude de colocar-se no lugar do outro e propor-se a fazer alguma coisa para ajudá-lo é realmente transformadora. No mínimo, você vai conseguir desenvolver traços como sensibilidade, empatia e resiliência. O voluntário amadurece a cada realidade que confronta e engrandece ao fazer a diferença na vida de alguém.

3. Conhecer pessoas e expandir seu networking

Os trabalhos voluntários normalmente reúnem diversas pessoas em prol de um objetivo comum. Isso quer dizer que você deve entrar em contato com muita gente e poderá expandir a sua rede de relacionamentos.

Ou seja, não desperdice essas ocasiões para conhecer as pessoas, trocar ideias e tentar criar relações. Amizades duradouras podem nascer de uma experiência voluntária compartilhada.

Além do mais, fique sempre atento se estiver pensando na sua carreira, seja como profissional autônomo, seja como alguém que está desempregado ou em busca de outro emprego. Além de contar com o Canal Conecta, plataforma exclusiva aqui dos alunos da Unopar com vagas de empregos e de estágios, investir nas relações durante o trabalho voluntário pode ser a chance de conseguir uma boa oportunidade no futuro.

Afinal, ao mesmo tempo em que está conhecendo gente nova, os outros estão conhecendo você. Aproveite para dar o seu melhor, demonstrar suas capacidades e simpatia — é claro que agindo primeiramente pelo bem comum e sendo verdadeiro, o que é diferente de ser interesseiro ou inconveniente.

4. Promover sua saúde e bem-estar

Talvez você já tenha ouvido dizer que quem ajuda o próximo está, na verdade, ajudando a si mesmo. Não por acaso, tantas pessoas passam por uma primeira experiência de voluntariado e nunca mais deixam de se dedicar a isso.

A satisfação de ser útil e de fazer a diferença chega a ser difícil de explicar. É como se todo o bem realizado retornasse. Inclusive, existem várias pesquisas sobre esse tema que associam o trabalho voluntário com uma melhor qualidade de vida.

A Universidade de Michigan, nos EUA, publicou um estudo apontando o voluntariado como um dos segredos para a saúde mental. Independentemente da atividade realizada, a sensação de otimismo consegue minar sentimentos ruins e estimular a produção de neurotransmissores do bem-estar. Outros efeitos percebidos são: redução dos índices de depressão, da ansiedade e do estresse, sendo que esse conjunto de fatores já favorece a saúde física de qualquer pessoa.

Diante disso, podemos considerar que o voluntariado é um investimento em saúde que cada um pode fazer por si mesmo, ainda que o propósito seja se doar para os outros. Faça o teste e comprove!

5. Ampliar a sua visão de mundo

O problema de conviver sempre nos mesmos ambientes e com pessoas semelhantes a nós é não conseguir desenvolver uma visão mais ampla do mundo. Sim, sabemos pela internet ou por outros meios de comunicação que nem todos têm a mesma cultura ou vivem realidades parecidas. Só que é bem diferente enxergar isso de perto.

O contato direto com um contexto distinto do que aquele em que você vive vai ser capaz de abrir a sua mente. Perceber que o mundo é grande e tem inúmeras questões a serem consideradas ou resolvidas é como despertar dentro de si uma motivação — que será um gatilho essencial para continuar se envolvendo com causas justas e contribuindo como você puder.

Enfim, esses são apenas alguns dos benefícios do trabalho voluntário, que nada mais são do que bons motivos para aderir a essa ideia. Se você ainda não conhece um projeto interessante, aproveite para buscar uma oportunidade. No seu bairro ou do outro lado do mundo, certamente existe uma causa para ser ajudada!

Não se esqueça de incluir seu trabalho voluntário e todas as habilidades desenvolvidas na experiência em seu currículo e não deixe de cadastrá-lo no Canal Conecta, seguindo as dicas abaixo.

Gostou do post? Se puder, compartilhe o conteúdo nas suas redes sociais para falar sobre o tema com os seus amigos. Quem sabe você não consegue ser um motivador do voluntariado? Pense nisso!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.