Croqui de Arquitetura: o que é e para que serve?

croqui arquitetura

Toda área do conhecimento e suas respectivas graduações podem ter glossários bastante curiosos. Muitos estudantes, inclusive, só descobrem o significado de algumas palavras depois que ingressam na faculdade. Isso acontece bastante com o chamado croqui de Arquitetura.

Você já ouviu falar do termo ou tem noção do que representa? Pois saiba que ele será bastante familiar durante todo o curso de Arquitetura e Urbanismo. Afinal, está entre os principais tipos de desenhos produzidos pelos alunos e, dependendo da técnica empregada, pode transmitir ideias com muita clareza.

Que tal entender melhor o assunto e descobrir por que essa forma de representação é tão importante? Fique conosco e tire suas dúvidas!

O que é croqui de Arquitetura?

É um desenho simples e rápido, geralmente feito à mão, que indica as características iniciais de uma proposta ou solução de projeto. Ele envolve traços soltos e tem função bem parecida com a dos esboços, embora seja um pouco mais rebuscado que os famosos rascunhos.

O croqui é aquela representação que surge nas primeiras fases do planejamento de um espaço. Assim, ajuda tanto os estudantes quanto os arquitetos a expressarem seus pensamentos sobre conceitos e estilos. Com ele, é possível testar, demonstrar e aprimorar ideias antes que se tornem definitivas.

Se você quer saber tudo sobre Arquitetura e Urbanismo, vale a pena procurar exemplos de croquis e já ir se preparando para criar os seus. Diversas faculdades já estimulam os alunos a explorarem seus talentos por meio dessas ilustrações, muitas delas em aulas que focam no desenho artístico.

Para que serve o croqui de Arquitetura?

Por ser um desenho livre e mais artístico, o croqui se torna um grande aliado para expor as primeiras versões de um projeto. Ele pode representar desde grandes instalações até pequenos ambientes decorados, conforme o tipo de proposta a ser desenvolvida pelo estudante ou profissional da área.

Esses recursos são como esboços, portanto, não demandam muita precisão ou alto grau de detalhamento. Ao contrário dos desenhos técnicos, não precisam ser produzidos com o auxílio de softwares ou de instrumentos que fornecem medidas exatas, a exemplo das réguas, esquadros ou escalímetros.

Para descobrir como funciona um croqui de Arquitetura, pense em formas de reproduzir ideias com agilidade. Basta, portanto, um pedaço de papel e algum material que permita rabiscar formas, esquemas, conexões entre espaços e até dados importantes. O objetivo é expor o que você está pensando rapidamente.

O croqui é um dos principais desenhos da faculdade porque introduz os alunos à parte artística e criativa da profissão. Ele permite experimentar com liberdade e identificar as melhores soluções para diferentes projetos, tanto que permanece na lista de recursos adotados por vários profissionais do mercado.

Em quais situações o arquiteto costuma fazer croqui?

Com todas as facilidades proporcionadas pelos programas de computador, muitos profissionais tendem a deixar os desenhos manuais de lado. Nesse caso, perdem a oportunidade de antecipar problemas e de prevenir erros nas etapas posteriores, principalmente na execução de uma obra.

Quanto mais testes forem feitos na fase inicial de um trabalho, mais chances de identificar possíveis falhas ou pontos de melhoria. Isso também vale para quem desenvolve projetos arquitetônicos ou de interiores. E uma das maneiras de colocar as ideias à prova é transformá-las em algo concreto.

O croqui pode ser extremamente útil na rotina dos arquitetos por favorecer a análise de cada proposta e seus gargalos. Com ele, o profissional consegue ver se determinada conexão funciona, se o acesso ao ambiente está adequado, se a estética ou a funcionalidade será valorizada, entre outros aspectos relevantes.

A criação desse tipo de desenho também é valiosa para os clientes, já que eles conseguem visualizar as soluções, tirar algumas dúvidas e sair do campo abstrato. Por meio das imagens, fica muito mais fácil compreender como vai funcionar a construção ou determinado espaço após a execução.

Mesmo quem já se formou deve saber como fazer um croqui de Arquitetura e tirar proveito desse recurso. Em alguns casos, guardar diferentes esboços do projeto vira uma estratégia eficaz para manter um histórico da evolução do trabalho. Sobre esse arquivo, o arquiteto pode lançar um olhar crítico e propor constantes melhorias que beneficiem sua carreira.

Como é o uso do croqui na faculdade?

Assim como nos trabalhos da profissão, esse desenho costuma ser aproveitado em vários momentos do curso superior. Afinal, permite aos estudantes demonstrar e defender suas propostas antes de partir para a criação de materiais mais técnicos, a exemplo dos cortes e das plantas de detalhamento.

Na faculdade, seja presencial ou de ensino a distância, a elaboração de um croqui de Arquitetura é estimulada em diferentes fases. Os alunos podem escolher materiais como o papel manteiga, fosco ou canson e esboçar as linhas com o que acharem melhor: lápis, marcadores, lapiseiras ou nanquim.

Também é possível acrescentar tonalidades aos desenhos com caneta hidrocor ou aquarela. Tudo vai depender da imagem que você deseja passar ao apresentar as imagens para os professores e colegas. Lembre-se de que os croquis podem complementar muito bem os esquemas e as plantas feitas em softwares.

Primeiras experiências

Apesar de muita gente achar que é preciso iniciar a graduação tendo domínio do desenho, saiba que essa habilidade pode ser desenvolvida ou aprimorada durante as aulas. O importante é buscar uma instituição de qualidade, que se preocupe em dar todo o suporte necessário aos seus alunos.

Na Unopar, você terá acesso a disciplinas básicas e específicas da área para garantir uma formação completa. Também poderá contar com o auxílio do Canal Conecta, um espaço que concentra pessoas interessadas em contratar e grupos que desejam conquistar o emprego dos sonhos.

Aproveite todas essas facilidades e dê o próximo passo!

Para terminar o conteúdo sobre croqui de Arquitetura e deixar você com ainda mais vontade de ingressar no ensino superior, destacamos que é possível fazer sua faculdade de graça. Basta pesquisar as opções de bolsas disponíveis e participar do processo seletivo daquelas que se encaixam no seu perfil.

Não quer perder tempo e se inscrever no vestibular da Unopar? Faça isso agora pelo nosso site!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Skip to content