Psicologia ou RH: descubra qual das carreiras tem mais a ver com você!

estudantes em dúvida entre psicologia ou rh

Quem se interessa em trabalhar com pessoas, especialmente em contextos profissionais, pode se ver diante de uma dúvida muito comum: “Afinal, devo fazer o curso de Psicologia ou de RH”? As duas profissões têm semelhanças e podem até mesmo ser complementares em algum momento. Por isso, vale a pena pensar sobre a escolha.

Decidir entre Recursos Humanos (RH) ou Psicologia está sendo complexo para você? Podemos começar falando que as duas carreiras podem ser bem interessantes. Então, para ajudar a sanar essa dúvida, vamos compartilhar informações relevantes sobre ambas. Assim, é possível optar de maneira mais consciente.

E então, quer decidir de uma vez por todas qual é a profissão ideal para o seu caso? Este post vai ser muito útil!

Como funciona cada curso?

O primeiro passo para saber se quer trabalhar com Recursos Humanos ou com Psicologia é descobrir o funcionamento de cada curso. Logo, vamos começar falando sobre isso. Veja detalhes da faculdade de Psicologia e do curso de Gestão de Recursos Humanos.

Faculdade de Psicologia

A graduação em Psicologia é encontrada normalmente no tipo Bacharelado e acontece apenas na modalidade de aula presencial — podendo ter algumas disciplinas a distância. O curso tem uma duração média de 5 anos e prepara profissionais para atuar em diversos campos que envolvam a saúde mental e o desenvolvimento de pessoas.

Os estudantes de Psicologia têm contato com conhecimentos e práticas muito variadas durante o curso. Além de conteúdos específicos sobre as teorias psicológicas, eles também podem estudar, por exemplo:

  • Filosofia e Sociologia;
  • Estatística;
  • Psicologia do desenvolvimento, ou seja, infância, adolescência, velhice;
  • Psicologia da educação;
  • Psicologia clínica;
  • Psicopatologia;
  • Psicologia em contextos de saúde etc.

Como você pode ver, existem muitas áreas nas quais o psicólogo pode trabalhar. Aqui, citamos a educação, a clínica e as instituições de saúde. Existem, ainda, mais campos do mundo do trabalho para profissionais formados na faculdade de Psicologia.

Faculdade de RH

O curso de Recursos Humanos aqui da Unopar é do tipo Tecnólogo e é oferecido na modalidade EAD. Ele tem duração média de 2 anos, já que se trata de uma graduação focada em um campo de atuação especifico — diferentemente da Psicologia.

Os profissionais formados na faculdade de RH capacitam-se para entender e intervir nos mais diversos processos que envolvam pessoas no seu contexto de trabalho. Ou seja, eles atuam preferencialmente em equipes do setor de Recursos Humanos de empresas.

Os conteúdos do curso também são bastante variados para englobar as diversas atividades que envolvem a gestão de pessoas em uma empresa. Por exemplo:

  • desenvolvimento de equipes;
  • gestão de treinamentos e capacitações;
  • identificação de talentos;
  • gestão de cargos, salários e benefícios salariais;
  • legislação trabalhistas;
  • departamento pessoal;
  • mediação de conflitos etc.

Analisando alguns dos conteúdos do curso de RH, é possível perceber que profissionais dessa área podem atuar em diferentes frentes da gestão de pessoas. Tanto do ponto de vista mais gerencial, como organização da folha de pagamento, quanto comportamental, com seleção de talentos, resolução de conflitos etc.

Como falamos, os cursos de Psicologia e de RH podem ser semelhantes e complementares. Afinal, os dois preparam profissionais para atuar no desenvolvimento pessoal. Embora a faculdade de RH foque o contexto empresarial e de trabalho, psicólogos também estão capacitados para se inserir nesse campo.

Agora, para entender um pouco mais sobre as diferenças e conseguir escolher entre Psicologia ou RH, vale a pena conhecer o mercado de trabalho de cada curso. No caso da carreira em Psicologia, o principal diferencial é a possibilidade de trabalhar em diversas funções fora de empresas.

Assim, além de poder exercer cargos na gestão de pessoas nos contextos de trabalho, psicólogos também têm um mercado amplo em outras instituições. Por exemplo, clínicas participares, escolas, faculdades, postos de saúde, hospitais e ONGs (organizações não governamentais).

O psicólogo é um profissional preparado para diagnosticar dificuldades relacionadas à saúde mental e realizar intervenções de promoção, de prevenção e de recuperação dela. Ele também atua diretamente no desenvolvimento de pessoas — por exemplo, utilizando conhecimentos sobre infância e adolescência para auxiliar nas práticas educativas das escolas.

A média salarial dos psicólogos no Brasil gira em torno de R$ 2.761,60. Entretanto, é preciso considerar que os salários podem ser muito variados. Afinal, os profissionais atuam em áreas diferentes e também existe a possibilidade de realizarem trabalho autônomo.

Quais as possibilidades de atuação do profissional de RH?

Como você pode perceber, a principal diferença entre as carreiras de RH e Psicologia é o foco do curso. Enquanto as áreas para psicólogos são ampliadas, o profissional de RH é aquele que atua diretamente em empresas. Assim, quem tem interesse focado pode preferir optar por esse curso.

A Gestão de Recursos Humanos é um setor fundamental dentro de empresas que desejam mais produtividade e crescimento. Não poderia ser diferente, já que os colaboradores são os responsáveis diretos pelos bons resultados de um negócio — e o bem-estar deles é muito relevante para sua produção.

Além de atuar identificando processos que podem melhorar na gestão de pessoas de uma empresa, o analista ou o coordenador de RH também é responsável por organizar o capital humano. Isso significa, entre outros aspectos, realizar seleção de pessoal, fazer propostas de benefícios e coordenar a folha de pagamento.

A média salarial para um analista de Recursos Humanos no Brasil é de R$ 3.461,26. O salário pode variar de acordo com o porte da empresa e também em relação ao cargo ocupado. Existem funções de assistente de RH, analistas e coordenadores (estes assumem atividades de liderança no setor).

Como escolher entre as profissões?

Depois de ler este post até aqui, você tem condições de identificar semelhanças e diferenças entre Psicologia e RH, não é mesmo? Agora, a decisão é sua. Pense bem sobre seus interesses e objetivos e compare com as possibilidades de cada curso.

Certamente, ambas as opções agradam quem gosta de trabalhar com pessoas. Psicólogos e gestores de Recursos Humanos podem trabalhar juntos nas empresas, com abordagens diferentes. O gestor de RH realizando diversas atividades fundamentais para a rotina dos colaboradores, e o psicólogo atuando no acompanhamento à saúde mental, por exemplo.

Sem dúvida, as duas áreas têm muito a contribuir para o desenvolvimento de pessoas e a melhoria dos resultados de uma empresa. Inclusive, nas duas, há a possibilidade abrir sua própria empresa. Independentemente da sua escolha, não deixe de procurar a faculdade ideal para realizar seu curso.

A Unopar oferece o melhor para seus alunos e dá todo o suporte para a construção de uma carreira de sucesso! E então, quer estudar em um local que valoriza seu conhecimento? Entre em contato conosco e saiba mais sobre os cursos!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4 / 5. Número de votos: 5

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.