Proatividade: o que é e como desenvolver?

mulher trabalhando com proatividade

Não é novidade que o mercado de trabalho mudou e está cada vez mais exigente, certo? Agora, além das competências técnicas, os empregadores esperam encontrar no profissional habilidades como versatilidade, criatividade e organização. Nesse sentido, uma das mais valorizadas é a proatividade.

O proativo é aquele que tem iniciativa, assume responsabilidades, atua ativamente para alcançar resultados e não se torna dependente, esperando que as pessoas digam para ele o que deve fazer. Essa habilidade é importante tanto para o mercado de trabalho quanto para a vida pessoal e os estudos.

Pensando nisso, preparamos este artigo para que você descubra como se tornar uma pessoa proativa, aprendendo qual é a importância da proatividade e de que maneira desenvolvê-la:

  • crie cronogramas e listas;
  • pratique a disciplina;
  • faça uma coisa de cada vez;
  • elimine dispersões.

Continue lendo e veja como trabalhar o seu próprio desenvolvimento e formação!

Qual é a importância da proatividade?

Você também deve conhecer alguma pessoa que, em seu trabalho ou vida pessoal, procura fazer apenas aquilo que é necessário. Ela não vai além, não toma iniciativa e limita-se a realizar o que as pessoas dizem para ela que precisa ser feito. Alguém com esse perfil não desenvolveu a proatividade.

Essa habilidade é muito importante porque a pessoa proativa age antes mesmo que seja necessário. Em vez de esperar que as coisas aconteçam para buscar soluções, ela procura por essas soluções a fim de evitar que os problemas ocorram.

Em resumo, o proativo sai da sua zona de conforto e está sempre procurando otimizar tarefas e processos, antever imprevistos e melhorar o modo como as coisas são realizadas atualmente. Por isso, o mercado de trabalho valoriza a proatividade, pois profissionais que têm essa habilidade vestem a camisa da empresa e destacam-se dos demais.

Na vida pessoal e nos estudos, ser proativo é fundamental para o amadurecimento e o alcance de metas e de objetivos. Afinal, você não vai ficar esperando que o chefe, familiares, professores ou amigos digam para você: “faça isso”. Você mesmo identifica essas necessidades e corre atrás das soluções mais adequadas.

Como desenvolver a proatividade?

Como você viu, a proatividade é a habilidade das pessoas de fazer acontecer. Elas tomam a dianteira, assumem responsabilidades e compromissos e procuram melhorias para otimizar rotinas, processos ou tarefas. Não é preciso que ninguém diga isso para elas, porque os proativos identificam a necessidade e procuram atendê-la da melhor forma possível.

Desenvolvendo a proatividade a partir de agora, você perceberá impactos positivos em seus estudos. Não ficará dependente de alguém para ensinar, mas procurará formas de organizar-se a fim de aproveitar melhor os conteúdos e o seu tempo disponível para, assim, ter um aprendizado mais efetivo.

A seguir, listamos algumas dicas práticas para que você desenvolva sua proatividade e já comece a alcançar excelentes resultados.

Crie cronogramas e listas

Se pretende desenvolver suas habilidades, antes você precisa trabalhar a organização. Não há como ter proatividade e identificar possíveis situações-problema, necessidades e outros aspectos que exigem a sua atenção se você estiver em meio a um caos de tarefas ou de informações.

Sendo assim, organize sua rotina criando um cronograma de estudos das atividades a cumprir e listas para facilitar a visualização do que precisa ser feito. Desse modo, você pode estabelecer prioridades e dedicar-se com mais afinco a cada tarefa, além de evitar atrasos e preparar-se para possíveis problemas.

Pratique a disciplina

Você também precisa ter disciplina para ser uma pessoa proativa, principalmente na hora de estudar sozinho. Isso porque não há ninguém monitorando o seu desempenho e resultados; portanto, cabe a você mesmo organizar-se e assumir essa responsabilidade. Então, além de organizar a sua rotina e dedicar-se, procure formas de complementar a sua formação.

Aqui na Unopar, além dos cursos de nível superior, estão disponíveis diversas opções de cursos livres, de extensão e de idiomas para que você se prepare ainda melhor para o mercado de trabalho. É possível escolher por área de atuação, complementando o seu currículo. Assim, ele terá um diferencial antes que isso seja cobrado de você.

Faça uma coisa de cada vez

Para cumprir bem uma tarefa, você precisa dedicar-se a ela, mas isso não será possível se estiver fazendo diversas coisas ao mesmo tempo. Portanto, o ideal para desenvolver a sua proatividade no trabalho ou nos estudos é manter a organização, a fim de fazer uma coisa de cada vez.

Assim, crie seus cronogramas e suas listas visualizando melhor o que precisa fazer. Desse modo, ainda que seja necessário realizar tarefas simultâneas, poderá dispensar um determinado tempo para cada uma de acordo com a prioridade. Isso também favorece a sua concentração, porque saberá que tudo tem o seu momento preestabelecido.

Elimine dispersões

Muitas pessoas dizem sentir dificuldade para estudar sozinhas, necessário na modalidade EAD (ensino a distância), ou para realizar trabalhos em sistema home office. Sabe por que isso acontece? Nem sempre se trata de falta de habilidade, mas sim do modo como as tarefas são realizadas, geralmente sob a influência de fatores que provocam dispersões.

Esse é o caso de estudar com a televisão ligada. Aquilo que está sendo transmitido chama atenção, e você não consegue focar os estudos. A mesma dificuldade acontece quando os ambientes são muito barulhentos, cheios de pessoas, ou você está com as redes sociais ligadas.

Esses são apenas alguns fatores que podem interferir no seu desempenho e proatividade. O ideal é que você identifique tudo aquilo que está roubando a sua atenção e elimine essas distrações nos momentos em que precisa se dedicar às suas atividades.

Aqui mais uma vez cabe a organização, porque você não precisa abandonar aquilo de que gosta, mas deve estabelecer um momento para tudo. Desse modo, conseguirá estudar de forma eficiente, mantendo sua concentração. Afinal, de um lado, sabe que não há distrações e, por outro, sabe que haverá um momento para ver os seus filmes e séries, ouvir música e bater papo na internet.

Lembre-se de que, para ser proativo, é preciso passar por uma mudança de hábitos e de comportamentos. Essa é uma habilidade que aprendemos com o passar do tempo; então, você precisa persistir em suas práticas diárias até arraigar essa competência.

Ficou claro o que é proatividade e por que você precisa dela? Não se esqueça de que essa é apenas uma das características essenciais para ser um profissional de sucesso. Comece por esse ponto e explore essa habilidade para despertar ainda outras, procurando formas de alcançar um desenvolvimento e formação mais completos.

Já que proatividade e organização caminham juntas, veja como montar um plano de estudos em 8 passos para alcançar excelentes resultados!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3.7 / 5. Número de votos: 7

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.