Segunda graduação ou mestrado? Escolha a melhor opção!

segundagraduacaooumestradoescolhaamelhoropcao

Está em dúvida se faz uma segunda graduação ou mestrado? Bom, se você se encontra nessa situação, saiba que, independentemente da opção, você já está dando um passo importantíssimo na construção de uma carreira de sucesso, que é considerar o investimento na educação continuada. Em meio à competição do mercado, apostar em mais qualificações é peça-chave para se destacar e conquistar melhores oportunidades.

No entanto, para render os resultados esperados, esse investimento deve estar alinhado aos seus objetivos. Mudança de profissão? Maior leque de opções de trabalho? Especialização em uma área? Aquilo que você deseja para a sua carreira é o que baseará sua decisão entre cursar outra graduação ou fazer um mestrado. Entenda melhor conosco!

Qual a diferença entre uma segunda graduação e um mestrado?

Antes de saber se é melhor fazer uma segunda graduação ou mestrado, é interessante saber em que cada opção implica. Ou seja, como funcionam, para quem são mais indicadas e que tipo de formação oferecem ao aluno. Somente assim é possível visualizar a alternativa que mais trará vantagens a você de acordo com o objetivo que tem em mente.

Segunda graduação

Começaremos pela segunda graduação, também chamada de obtenção de novo título. Trata-se do ingresso em outro curso de graduação diferente do primeiro ou que oferece conhecimentos complementares à área de atuação. Convenhamos: trata-se de uma forma muito interessante de enriquecer o currículo e desenvolver mais habilidades, não é mesmo?

Ao final da segunda graduação, o aluno receberá o segundo diploma de nível superior. Vale lembrar que, quanto ao ingresso, grande parte das instituições de ensino, inclusive a Unopar, não requer que o aluno preste o vestibular novamente. Na maioria das vezes, basta a participação em um processo seletivo simples, com a análise do currículo ou procedimento similar.

Mestrado

Agora, falaremos sobre o mestrado, modalidade de pós-graduação stricto sensu que aprofunda o aprendizado em determinada área. Ele é comumente voltado para aqueles que pretendem seguir carreira no âmbito acadêmico — como professor ou pesquisador. No entanto, nada impede que um profissional de atuação corporativa utilize essa formação para aprimorar competências. Tudo dependerá do conteúdo e do foco do curso.

O ingresso no mestrado se dá por meio de um processo seletivo, composto por etapas que variam de acordo com a instituição. No geral, é feita uma análise de currículo, seguida de uma prova de conhecimentos gerais e específicos, teste de proficiência em uma segunda língua (inglês), entrevista e apresentação do projeto de pesquisa. Ao final, após a defesa da dissertação, o aluno obtém o diploma de mestre.

Quando cada um deles é indicado?

Lembra que comentamos que a decisão entre segunda graduação ou pós depende diretamente do objetivo do profissional em relação à formação? Pois bem, chegou a hora de entender em quais situações cada alternativa é comumente indicada. Acompanhe!

Quando é interessante optar por uma segunda graduação?

Muitas pessoas não estão satisfeitas com o curso de nível superior que concluíram. Isso pode ocorrer por uma infinidade de motivos, como não identificação com a profissão, decisão pela formação tomada de forma precipitada ou por pressão de terceiros etc. Nesses casos, uma segunda graduação é a chance de mudar de carreira e conquistar realização.

Outro caso bastante comum entre as pessoas que procuram a obtenção de um novo título é quando os conhecimentos da nova formação complementam o dia a dia da profissão ou até mesmo abrem portas para cargos distintos. Como exemplo, citaremos um bacharel em Comunicação que gostaria de ter noções sobre Marketing para desempenhar sua função com excelência no setor e, assim, crescer na empresa.

Quando é interessante optar por um mestrado?

Já o mestrado é indicado para quem deseja se especializar na área de atuação, aperfeiçoando conhecimentos em um segmento específico de interesse e afinidade. Essa modalidade de pós-graduação também é procurada por aqueles que pretendem realizar estudos e pesquisas no campo escolhido. Sem falar que, após a conclusão, o aluno estará apto a ministrar aulas em universidades, ou seja, se tornar um professor de nível superior.

Quais as vantagens de fazer uma segunda graduação?

Entre as vantagens da segunda graduação, podemos listar as seguintes:

  • caminho para mudar de carreira;
  • satisfação profissional e valorização na nova área;
  • aquisição de conhecimentos paralelos que auxiliarão no dia a dia da profissão;
  • enriquecimento para o currículo;
  • diferencial competitivo para conquistar uma vaga de emprego;
  • desenvolvimento de habilidades bem-vistas pelo mercado;
  • possibilidades de conciliar estudo e trabalho, pois, embora a graduação tenha a duração média de 4 a 5 anos, o tempo de dedicação ao curso é menor quando comparado ao mestrado. Além disso, aqui na Unopar, é possível optar por modalidades como EAD ou semipresencial. Ou seja, mais praticidade para obter a qualificação.

Quais as vantagens de fazer um mestrado?

Assim como a segunda graduação é vantajosa, o mestrado também tem os seus benefícios para o aluno. Entre os principais, estão:

  • possibilidade de ser um profissional especializado em um assunto, o que é muito valorizado pelos empregadores;
  • menor duração de curso, já que a duração média de um mestrado é de 2 a 3 anos; contudo, o nível de dedicação para concretizar a pesquisa e preparar a dissertação é intenso, então é necessária a disponibilidade de tempo;
  • caminho mais rápido para efetivar uma promoção ou conquistar cargos de liderança, obtendo remunerações maiores;
  • possibilidade de atuar como professor em faculdades e colaborar com a qualidade do ensino superior no país.

Com as informações do post, já deu para ter uma ideia se o caminho mais acertado para você é fazer uma segunda graduação ou mestrado, não é mesmo? Para tomar uma decisão concreta, não se esqueça de ter a pesquisa como aliada e considerar fatores importantes como disponibilidade de tempo, orçamento e perspectiva de carreira em curto e longo prazo.

Ambas são ótimas opções, mas é preciso escolher aquela alternativa que mais auxiliará a chegar no objetivo desejado. Assim, você consegue saber se compensa segunda graduação ou mestrado. Independentemente da escolha, é fundamental optar por uma instituição de ensino de qualidade, credibilidade, corpo docente especializado e diferenciais competitivos que focam o sucesso do aluno, como a Unopar.

Caso tenha restado alguma dúvida sobre o tema, entre em contato. Quem sabe nós não ajudamos você a encontrar a formação que procura?

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.6 / 5. Número de votos: 10

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content