Psicologia Infantil: o que é e como atuar na área?

mulher e criança representando psicologia infantil

A Psicologia é uma área que parece estar sempre em alta, atraindo pessoas de todos os perfis. Por permitir uma grande variedade de atuações, ela está com frequência entre os cursos mais concorridos do Sisu ou do Enem. Além disso, é um curso instigante, pois amplia a compreensão sobre as pessoas e o mundo humano.

Cada contexto e grupo de indivíduos exige um modo de trabalho específico por parte do psicólogo. No caso das crianças, por exemplo, é bastante importante que o profissional saiba utilizar técnicas que respeitem a autonomia do paciente. Isso porque a personalidade infantil nem sempre segue o mesmo esquema dos adultos.

Por esse motivo, existe um ramo à parte na Psicologia dedicado a crianças. Neste post, você descobre exatamente o que é Psicologia Infantil e encontra dicas sobre como atuar na área. Leia e fique por dentro!

O que é a Psicologia Infantil?

Psicologia Infantil é uma especialidade da Psicologia responsável por acompanhar os processos mentais característicos da infância. Nem sempre é fácil para os adultos entenderem a cabeça das crianças, que trazem descobertas e mudanças ilimitadas no dia a dia.

De maneira geral, o objetivo da área é trabalhar com cuidado as emoções, as percepções e os aprendizados da infância. A personalidade do paciente deve ser respeitada, pois ele também é uma pessoa capaz de criar imagens e pensamentos de maneira autônoma.

A Psicologia Infantil busca compreender, por exemplo, as formas da criança falar, sentir, gerar conhecimento, criar imagens e construir relações. Esses aspectos são abordados a partir da experiência individual, com o intuito de detectar conflitos e ressignificar eventos.

Devido à necessidade de se respeitar a autonomia da infância, os métodos utilizados em geral são flexíveis, trazendo atividades lúdicas e dinâmicas mais livres. Esse cuidado evita que qualquer repressão adicional seja causada. Assim, busca-se elaborar vivências e construir sentidos para o mundo ao redor do paciente.

Um acompanhamento profissional pode trazer muitos benefícios. Ao lado do psicólogo, a criança tem a chance de fortalecer as etapas do seu desenvolvimento, melhorando sua independência e sua autoconfiança.

Na maioria dos casos, é importante que essa ajuda esteja presente desde cedo. Isso vale sobretudo para crianças que passaram por algum evento traumático ou que têm dificuldade de comunicar seus sentimentos. Mas, mesmo para aquelas pessoas que parecem não sofrer nenhuma dificuldade, o apoio especializado é útil.

Nesse sentido, é importante pensar que o psicólogo infantil não lida com a criança apenas em função da saúde ou da doença. Sua presença busca também valorizar aspectos positivos, ajudando-a a lidar com suas questões e a progredir plenamente.

A graduação em Psicologia da Unopar oferece todas as condições para que o profissional possa se aprofundar no trabalho com as crianças. Você consegue sua vaga na graduação com formas de ingresso facilitadas e um custo-benefício sem igual.

Como é a atuação do psicólogo infantil?

O trabalho do psicólogo ultrapassa em muito o espaço restrito do consultório. É comum encontrar esse profissional nos mais diversos ambientes da sociedade, desde setores de RH das empresas até projetos educativos e de Psicologia Social.

Com o psicólogo infantil, a situação não é diferente. Ele pode exercer atividades em lugares variados, como escolas, hospitais e grupos de apoio, unindo forças com as áreas da Pedagogia. Devido a essa diversidade, pode ser interessante mesclar as opções, exercendo ocupações híbridas.

Quando está no consultório privado, o psicólogo infantil costuma exercer seu serviço em contato direto com o cliente e a família. O objetivo é mapear os conflitos mentais existentes e encontrar formas satisfatórias de resolvê-los. Podem ser feitos testes, sessões de terapia e outras atividades.

Já em instituições escolares, o profissional vai exercer um tipo de acompanhamento do progresso cognitivo, linguístico e emocional dos alunos. Essa parceria é preciosa, pois a criança muitas vezes passa boa parte do dia na escola. Além disso, todo o ambiente melhora com as pontes de escuta e diálogo.

No caso dos hospitais, a presença do psicólogo infantil vai servir de apoio aos pacientes que precisam lidar com traumas ou dificuldades. Um trabalho bem realizado tem o poder de fortificar toda a dimensão emocional. Lembrando que esse bem-estar está constantemente associado a quadros de recuperação mais favoráveis.

O especialista do campo pode, ainda, oferecer suporte para vários grupos de pessoas em condição vulnerável. Por exemplo, em trabalhos de apoio comunitário, que atendem regiões carentes ou afetadas por carência material.

O mesmo vale para ambientes de correção, nos quais o psicólogo tem papel crucial na possibilidade de renovação da criança. Em todos os casos, trabalhar com Psicologia Infantil é reestabelecer uma boa condição de desenvolvimento pessoal e social, ajudando a formar pessoas melhores.

Por ter inúmeras possibilidades de atuação e por ser indispensável ao funcionamento da sociedade, a área oferece também um mercado de trabalho cheio de oportunidades. Lembrando que o salário do psicólogo escolar costuma ir de R$2.634,43 a 5.143,17*, com média superior à nacional.

Como ingressar na área?

O primeiro passo para ingressar na área é cursar uma boa faculdade. No curso de Psicologia da Unopar, o aluno é preparado para atuar em diversos ambientes de trabalho. Suas habilidades de abordagem humana são desenvolvidas ao máximo.

Devido ao foco fundamental em pessoas, a área não conta ainda com graduação a distância. Mas, como vimos, há facilidades de ingresso, até mesmo sem sair de casa, com o vestibular online.

Além da formação de excelência, o profissional deve buscar experiências de trabalho no campo desejado. Estágios e vagas de Psicologia Infantil (em escolas, por exemplo) podem conectar o conhecimento teórico à dimensão prática. Nesse sentido, a grade curricular também busca direcioná-lo para a realidade do mercado de trabalho.

O estudante da Unopar conta ainda com recursos especiais que o ajudam a fazer a passagem entre a faculdade e o mercado. O Canal Conecta, ferramenta exclusiva para busca de oportunidades, permite encontrar possibilidades valiosas que servem de experiência e abrem as portas para o emprego dos sonhos.

A Psicologia Infantil, é claro, apresenta outras peculiaridades. Quem gosta do contato com pessoas, sobretudo com crianças, pode encontrar nessa área uma oportunidade excelente de carreira.

E você, gostou dessa possibilidade de trabalho? Conheça ainda mais sobre o tema e inscreva-se já no nosso vestibular! Comece agora a trilhar o caminho da realização profissional!

*Sujeito a alteração

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.