O que faz um analista de Recursos Humanos na prática?

analista de recursos humanos

Organizações na iniciativa pública e na privada não funcionam sem pessoas. O trabalho delas é essencial ao desenvolvimento econômico de qualquer negócio. Por isso, vale a pena estudar para ser uma analista de Recursos Humanos e, assim, aproveitar um segmento que precisa de bons profissionais e tem amplo campo de atuação.

Você pode se dar bem no ramo caso tenha perfil analítico, visão crítica, aptidão para aprendizagem autônoma e dinâmica, interesse pelo comportamento humano, goste de gente e seja organizado.

O curso de Tecnólogo EAD oferecido aqui na Unopar na área de RH tem duração de 2 anos. É uma ótima alternativa para quem quer impulsionar a carreira ou tentar logo uma realocação no mercado de trabalho.

Neste post, entenda um pouco mais sobre o que faz o analista de Recursos Humanos, responsável pela gestão de pessoas nas organizações. Quem sabe ao fim do texto você tenha enxergado um caminho profissional promissor para seguir!

Treinamento

A capacitação da equipe é essencial ao bom funcionamento e progresso de qualquer negócio. Quanto mais a empresa investe no desenvolvimento dos seus profissionais, mais bem-preparados eles ficam e se sentem valorizados. Por consequência, a produtividade aumenta e o empreendimento ganha em competitividade no mercado.

O analista em Recursos Humanos formado na Unopar tem comportamento organizacional e planejamento estratégico no rol de matérias de gestão de RH. Ao se graduar conosco, você consegue preparar os treinamentos mais adequados aos colaboradores, conforme os planos e a cultura do negócio.

Essa habilidade é importante para fortalecer a governança corporativa, conjunto de valores, políticas e diretrizes da empresa. O investimento bem-feito em treinamento e desenvolvimento engaja profissionais, une equipes e coloca gente de vários departamentos para interagir entre si.

Recrutamento e seleção

Sabia que 9 a cada 10 pessoas são contratadas por causa do currículo, mas acabam sendo demitidas por questões comportamentais? Conhecimento técnico não é tudo, sendo necessário analisar também aspectos subjetivos, muito além do papel, para acertar na escolha. Essa função é desempenhada pelo analista de RH.

Além do mais, recrutamentos e seleções são diferentes conforme os cargos: os requisitos e perfil para ser desenvolvedor de software não são os mesmos esperados do diretor de marketing, por exemplo. Essas expectativas mudam de acordo com a organização, inclusive. Por isso, é importante que você a conheça muito bem.

Aqui, é possível atuar como funcionário dessa companhia, prestar seus serviços de forma autônoma ou como profissional de empresa terceirizada, especialista em RH. O salário médio de um headhunter é de R$ 4.948*, sem falar da comissão nesse trabalho que consiste em recrutar executivos de alto escalão no mundo corporativo.

Administração do quadro de colaboradores

Faz parte da rotina do analista de Recursos Humanos o controle de faltas, licenças, afastamentos e banco de horas, por exemplo. Notou a importância dessas atividades para evitar problemas na justiça do trabalho? Não é à toa que a Unopar tem as seguintes disciplinas no curso Tecnólogo na área:

  • legislação social e trabalhista;
  • rotinas trabalhistas e departamento pessoal;
  • saúde e segurança do trabalho.

Para você ter ideia, 6,2 mil brasileiros faleceram e 1,8 milhão se afastaram entre 2014 e 2018 por causa de acidentes de trabalho no país. A administração do quadro de colaboradores torna o RH estratégico, protegendo a vida e promovendo o bem-estar do funcionário. Também é possível evitar fatalidades e afastamentos, além de gastos com contratação e treinamento de substitutos.

A faculdade de Recursos Humanos capacita você para controlar a folha de pagamento, ensina sobre cálculos previdenciários e desenvolve seu perfil analítico. Assim, consegue monitorar ausências, faltas e rotatividade, métricas que afetam diretamente a produtividade e os resultados do negócio.

Elaboração do plano de carreira

Muita gente começa no mercado de trabalho sem rumo certo, vê a carreira ir para um caminho totalmente diferente do esperado ou até chega ao cargo tão sonhado, mas já não vê sentido na função que desempenha. Já ouviu histórias do tipo?

O analista de RH de uma consultoria especializada pode ser contratado por um assistente administrativo que deseja se tornar diretor no varejo, por exemplo. Juntos, vocês vão identificar as expectativas, potenciais, pontos fortes e fracos desse profissional, assim como as demandas do mercado para quem quer ser executivo no setor.

Seu papel aqui é desenvolver pessoas, estruturar um plano de ações para que adquiram o conhecimento técnico e as competências certas — quem sabe até um currículo diferenciado.

Gestão de pessoas

Relações humanas são complexas, e as organizações precisam que os departamentos e a equipe se deem bem para as metas serem atingidas. Não é simples administrar interesses pessoais em prol de um objetivo comum e maior. Porém, fica mais fácil quando o analista de RH entende de negociação e gestão de conflitos.

Essa matéria está na grade do curso de Gestão de Recursos Humanos da Unopar, oferecido nas modalidades de ensino presencial, semipresencial e 100% EAD.

Coaching

Essa forma de desenvolvimento pessoal e profissional é voltada para a alta performance no mundo corporativo. O método já é adotado por 48% das empresas para capacitar suas lideranças. Isso justifica a necessidade de o analista em Recursos Humanos se aprofundar no assunto.

O coaching utiliza técnicas de PNL (programação neurolinguística) para o aluno criar novos e melhores hábitos, acabar com suas crenças limitantes e transformar potencialidades em competências apreciadas no mercado de trabalho.

Aqui, você ajuda o profissional a ser consistente, ter disciplina e foco, essenciais em uma carreira de sucesso. O analista de RH desempenha bem essa função, pois entende de desenvolvimento de pessoas. Mas vale a pena se especializar no assunto se a intenção é atuar na área.

Independentemente do ramo escolhido, você precisa investir em uma boa graduação, que é sua porta de entrada para o mercado de trabalho. Falando nisso, na Unopar, oferecemos acesso ao Canal Conecta, nosso portal de empregabilidade exclusivo com as melhores vagas para começar a carreira em RH.

Também oferecemos ensino profissionalizante de alta qualidade a um ótimo custo-benefício, infraestrutura de excelência e apoio personalizado ao aluno. Nosso sistema de avaliação continuada valoriza cada atividade feita.

O analista de Recursos Humanos tem várias possibilidades de atuação em empresas especializadas ou nos mais diversos segmentos. Ele é essencial para a gestão de pessoas e pode ser bem gratificante trabalhar na área se você gosta de gente.

Acha que tem o perfil e gostou das atividades? Inscreva-se no curso de gestão de Recursos Humanos da Unopar!

*Sujeito a alteração

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.3 / 5. Número de votos: 6

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content