Educação Especial: conheça a graduação e áreas de atuação

educação especial

O propósito da Educação Especial é oferecer uma metodologia educativa que garanta o aprendizado das pessoas com diversos tipos de deficiência. Para quem deseja crescer na carreira, essa é uma opção estável e, ao mesmo tempo, fascinante. A começar pelo fato de que existem muitas alternativas de atuação.

Mas você pode estar na dúvida: o que é a Educação Especial na prática? Na verdade, ela é um conjunto de estratégias para formar alunos com deficiências auditivas, motoras, intelectuais, múltiplas, entre outras.

Além disso, entram na Educação Especial as metodologias para ensinar superdotados. Desse modo, com tantas opções de especialização, essa área permite uma fácil introdução ao mercado de trabalho.

Porém, é fundamental ter afinidade e vocação com o ofício. Afinal de contas, seres humanos requerem dedicação, amor e muito profissionalismo. Não seria diferente com as pessoas com deficiências. Quer saber mais sobre a Educação Especial? Então, confira nosso post!

Como é a faculdade de Educação Especial?

O aluno interessado nessa carreira tem duas formas de se capacitar. Assim, a primeira delas é com a Licenciatura em Educação Especial, um curso de graduação EAD que leva 4 anos para ser concluído. Essa é a maneira mais rápida de obter a qualificação.

Outra possibilidade é fazer Pedagogia e, depois disso, se matricular em um curso de Educação Especial na grade da pós-graduação. Porém, esse último caminho exige mais tempo de estudo: cerca de 6 anos, contando a graduação e a pós.

Além disso, a primeira escolha tem melhor custo-benefício, uma vez que já é direcionada à Educação Especial. Por falar nisso, muitas faculdades privadas trabalham com descontos conforme a nota do Enem. Com esse recurso, é possível pagar mensalidades que cabem no seu bolso.

Na faculdade de Educação Especial, você vai aprender Braile, Libras, Tecnologias Assistivas, Comunicação Alternativa e muito mais!

Qual deve ser o perfil de um candidato a educador nessa área?

O estudante de Educação Especial precisa ter uma afinidade com essa profissão. Nesse sentido, se você não gosta de se relacionar com outras pessoas, estará na área errada.

Aliás, o interesse pela comunicação é fundamental na Educação Especial. Afinal, sem diálogo não se transmite o conhecimento, não é mesmo?

Geralmente, a pessoa que se dá bem nessa área quer uma sociedade melhor: mais democrática, justa, igualitária, diversa e inclusiva. Você se identifica com esses atributos? Então, é bem provável que se apaixone pela Educação Especial!

Portanto, se quer mesmo tentar a chance nesse campo, procure lapidar as seguintes habilidades:

  • boa comunicação;
  • paciência e empatia;
  • jogo de cintura;
  • responsabilidade;
  • criatividade.

Quais são as possibilidades profissionais?

No dia a dia educacional, os professores precisam lidar com diferentes tipos de deficiência. Além disso, cada limitação demanda um cuidado distinto. Por esse motivo, uma das principais vantagens da Educação Especial é o seu alto índice de empregabilidade: escolas públicas, privadas, especiais, ONGs, hospitais, centros de reabilitação etc.

A Educação Inclusiva no Brasil é um direito assegurado pelo Estatuto da Pessoa com Deficiência. Nesse contexto, existe muito espaço para atuar como um profissional da área, uma vez que o mercado educacional requer professores que saibam lidar com necessidades variadas.

Teste Vocacional Rápido

Contudo, as oportunidades são bem mais amplas. Desse modo, também é viável trabalhar na formação de outros profissionais da área da Educação.

Mais um ponto importante: o aluno de Educação Especial aprende a preparar e ministrar aulas, a ensinar a escrever em português e a utilizar o Braile, entre outras incumbências.

Além disso, ele vai passar conhecimentos sobre como fazer cálculos, resolver problemas e executar as tarefas da rotina. Também é uma função desse profissional ensinar sobre valores e condutas. Confira alguns exemplos de chances na carreira!

  • diretorias e secretarias de ensino;
  • classes hospitalares e em serviços itinerantes e de ensino domiciliar;
  • instituições especializadas;
  • serviços de consultoria.

Por que fazer a faculdade de Educação Especial na Unopar?

O curso de Educação Especial da Unopar forma professores habilitados para lidar com deficiências físicas, intelectuais, surdez, cegueira e transtornos globais de desenvolvimento (espectro autista). Além disso, colocamos no mercado de trabalho profissionais capazes de educar superdotados.

Por essa razão, contribuímos com orgulho para a escolarização de qualidade desse público. Assim, nossos alunos se tornam instrumentos para o desenvolvimento e aprendizado dessas pessoas. Mais um bom motivo de estudar aqui é o currículo acadêmico, que é bastante completo. Observe algumas disciplinas:

  • Fundamentos da educação especial e inclusiva;
  • Libras e Braille;
  • Introdução às deficiências;
  • Cognição e afetividade no atendimento educacional especializado;
  • Desenvolvimento;
  • Ética e diversidade;
  • Tecnologia assistiva;
  • Neurociência e aprendizagem.

Nossa matriz curricular passa por atualizações constantes, sempre focadas na ampliação da inclusão. Assim, o aluno se forma para atuar na docência, mas também dentro das salas de aulas convencionais. Agora, além de toda a qualidade de ensino, temos outros benefícios e atrativos. Quer saber mais? Então, confira!

Modalidade EAD

Sabemos que a modalidade EAD é a opção mais viável para muitos alunos. Principalmente os que trabalham e têm filhos. Nesse contexto, você encontra na Unopar o que há de melhor no EAD do Brasil.

Assim, você acessa um ambiente online com material didático rico, podendo estudar na hora em que quiser. E o melhor: sem ter que se deslocar até a instituição. Outro ponto a favor do ensino online: nosso corpo docente é formado por nomes consagrados em suas áreas de atuação.

Canal Conecta

Nossos alunos contam com um incrível portal de vagas gratuito e exclusivo. Isso mesmo! Com o Canal Conecta, não deixamos você sozinho nem no momento de encontrar seu emprego, algo que poucas instituições de ensino oferecem.

Ingresso sem vestibular 

Se você tiver uma boa média no Enem, pode se matricular direto na Unopar, sem passar pelo processo seletivo. Só precisa cumprir alguns requisitos mínimos. Caso se enquadre nas regras, basta levar seus documentos até a secretária e fazer a matrícula.

Veja o que é exigido:

  • cópia da relação de pontos no Exame;
  • ter efetuado a prova nos últimos 3 anos;
  • ter feito mais de 200 pontos na prova de Conhecimentos e de redação do Enem.

Contudo, se a sua nota não for o suficiente, também não precisa desistir do sonho de fazer Educação Especial. Nesse caso, basta tentar o vestibular, que é bem menos concorrido do que o Exame Nacional.

Agora é com você!

A Educação Especial é uma carreira com boas oportunidades e o melhor: um grande retorno para a sua vida, tanto pessoal quanto profissional. Você vai garantir oportunidades consistentes e muito enriquecedoras!

Quer saber por onde começar? Inscreva-se no vestibular da Unopar agora mesmo!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3.7 / 5. Número de votos: 6

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção da carreira dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.